sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Então... Quem é Ele?

```Em química, Ele converteu a água em vinho;
(João 2-1,11)

Em biologia, nasceu sem a concepção normal; (Mateus 1-18,25)

Em física, desmentiu a lei da gravidade, quando andou sobre as águas e  subiu aos céus; (Marcos 6-49,51)

Em economia, Ele refutou a lei da matemática ao alimentar 5000 pessoas com somente cinco pães e dois peixes;
e ainda fazer sobrar 12 cestos cheios. (Mateus 14-17,21)

Em medicina, curou os enfermos e os cegos sem administrar nenhuma dose de medicamento.
(Mateus 9-19,22 e João 9-1,15)

A história é contada antes DELE e depois DELE, Ele é o PRINCÍPIO e o FIM;
Ele foi chamado Maravilhoso, Conselheiro, o Príncipe da Paz, o Rei dos Reis e Senhor dos Senhores; (Isaías 9-6)

Na bíblia diz que ninguém vem ao Pai senão por Ele; Ele é o único caminho; (João 14-6)

Então... Quem é Ele?
Ele é JESUS!!!

Os olhos que leem esta mensagem não temerão o mal.
A mão que enviar esta mensagem, não trabalhará em vão.

O maior homem da história: JESUS💫

Ele não tinha servos, e no entanto O chamavam de Senhor💫

Não tinha nenhum grau de estudo, e no entanto O chamavam de Mestre💫

Não tinha medicamentos, mas era chamado de médico dos médicos💫

Ele não tinha exército, mas reis O temiam💫

Ele não ganhou batalhas militares, e no entanto, conquistou o mundo💫

Ele não cometeu nenhum delito, e no entanto foi crucificado💫

Foi enterrado em uma tumba, e no entanto, Ele vive💫

Me sinto honrado em servir a este líder que nos ama💫

Fonte: Desconhecida


quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Síndrome de Satanás

“Síndrome de satanás” que a maioria dos líderes evangélicos atuais possuem – a necessidade de independência. Além disso, eles não aceitam que ninguém os monitorem, não aceitam a prestar satisfações, não aceitam a repreensão e nem se submeter às possíveis punições. 
Geralmente fazem uma ginástica estatutária e burocrática dentro das igrejas para converter as regras e posicionamentos institucionais ao seu bel prazer. Acima deste só Deus, e olhe lá! Pois como o Reverendo Renato Vargens destaca em seu livro - Reforma Agora - certa mulher ao ouvir seu filho criticar seu líder evangélico teceu a seguinte frase em defesa do líder: “Fale de Deus, mas não fale de meu líder”. Noutra ocasião, no mesmo livro, o autor nos conta que um certo líder evangélico da atualidade disse que teve uma experiência de arrebatamento e foi levado ao céu. Lá, no ambiente celeste, Deus ao receber conversou com ele por muito tempo e eis que de repente Jesus adentra no ambiente onde a conversa estava acontecendo. Jesus intenta dar uma opinião dentro do assunto conversado, prontamente Deus olha para Jesus e tece as seguintes palavras: “Filho! tenha educação, não vê que estou falando com o líder tal? Não atrapalhe!”.

Este pensamento é nutrido pela maioria dos próprios líderes evangélicos atuais, eles gostam de holofotes em cima deles. O próprio Cristo quando esteve na terra sempre se remeteu ao pai como sendo partícipe de uma harmonia, não podendo haver tirania ou autoritarismo por parte de Um ou de Outro. Todos estes sintomas apresentados por tais líderes evangélicos e pessoas que participam desta rotina são caracteres de uma Síndrome na qual intitulo como a “Síndrome de satanás”– aquela que o indivíduo quer ser Deus, isso no sentido de não ter ninguém acima de sua autoridade, aquele desejo de se assentar no trono dos tronos da autoridade – ser igual a Deus – justamente a proposta da Serpente feita a Eva no Éden.

A Ordenação de Mulheres

Não existe! Ordenação de Mulheres no Santo Ministério, tanto venham. Inclusive muitas vezes elas fazem o trabalho melhor do que os homens. Mas ordenar para o Santo Ministério, não tem base nas Escrituras. E como é que isso está acontecendo? É a igreja a culpada e a igreja vai prestar conta disso. A igreja que eu digo não é a igreja o prédio, os responsáveis vão prestar conta disso. Jesus nunca ordenou mulheres. O apóstolo Paulo que é um paradigma, não separou, nunca ordenou mulheres. Agora, mulheres trabalharem no Santo Ministério, tanto venham. Cantoras, professoras de escola dominical e etc. Mas irmão Gilberto, e diaconisa? Lá no livro de Romanos o apóstolo Paulo disse que aquela irmã era diaconisa na igreja de Cencréia. Onde está isso no original? Não existe! Sim, mas o comentário que eu li diz que era diaconisa. Conversa! No grego está na forma masculina, ou seja, Paulo deixou aquela mulher ali provisoriamente, ou então o trabalho era novinho e não tinha homem nenhum para exercer o diaconato, ele disse vem cá “fulana” (Febe), faz o trabalho aqui, a obra de Deus não pode parar por causa de problema humano. Está no masculino.

Uma vez um pastor presidente de uma grande e renomada convenção, nós estávamos juntos em Goiânia ministrando, e ele no hotel conversando comigo, disse: “estou agora na presidência, vou incentivar, irmão Gilberto, o diaconato das mulheres que está praticamente parado. O que o irmão diz?”


- Eu prefiro primeiro que o senhor que é o chefe, me dê alguma coisa.

Ele disse: “eu me baseio lá em Rm 16, Febe, aquela irmã que era um tesouro na igreja de Cencréia (inclusive quando os irmãos forem a Grécia visitem as ruínas de Cencréia. Eu fui lá visitar, só tem ruínas, e eu fiquei pensando onde é que ficaria aqui a casa dela, porque tudo indica que era uma mulher de muito dinheiro. Paulo disse: “ela me hospedou muitas vezes, e hospedou a muitos”), que era diaconisa, a Bíblia em português diz: que serve ao Senhor na igreja de Cencréia, outra versão que eu tenho diz que ela servia como diaconisa”. Eu me calei, e ele disse: “uma segunda passagem, irmão Gilberto, que eu tenho em mente é lá em Timóteo quando a Bíblia diz: e as mulheres…”

Eu disse: Pastor, a passagem de Romanos no original está no masculino, pode pegar qualquer manuscrito bíblico. Ou seja, ou o trabalho era novinho e não tinha homens habilitados, e o apóstolo Paulo um homem cheio do Espírito Santo, a obra de Deus não ia parar por causa de problema humano. Vem cá, Febe, exerce aqui enquanto não se prepara um homem, ou então não sei a razão, a Bíblia não explica, mas está no masculino.


“E lá em Timóteo?”

Pode pegar o termo original que a oração no grego pára, e quando diz as mulheres, são as esposas dos obreiros. Ele parou, e parou até hoje.

Voltando a pergunta, o que o irmão diz disso? É anti-bíblico. E o que fazer? Quem estiver fazendo vai prestar conta a Deus. Mas infelizmente não é só ordenação de mulheres, é muita coisa que a igreja decide por ela. Eu podia fazer menção aqui, não vou, não há necessidade. Para ninguém pensar que é só esse fato: São várias coisas que a igreja faz sem ter… Por exemplo, há igrejas que só separam (consagram) obreiros para o diaconato se forem casados, não estou criticando a igreja local, há igreja que só separa (consagra) casados, porque o escândalo está sendo grande de obreiros solteiros. Enfim, a igreja que tomou a decisão, não é a Bíblia.

Batismo em águas: tem igreja que a pessoa se entregou pra Jesus, foi perdoada ali mesmo, foi convertida, batiza na água. Tem igreja que diz: “Não, aqui pra ser batizado tem que fazer um cursinho”. Lá na minha igreja, por exemplo, tem um cursinho de três meses, onde está isso na Bíblia? Lugar nenhum. É a igreja que decide!

Realização de matrimônio, esse caso é mais um, só que este é grave.

Então, em resumo, não tem base na Escritura, nem no Antigo, nem no Novo Testamento. Deus quer a mulher no ministério, quanto mais, melhor, para muita tarefa. Mas ordenação para cuidar do rebanho Deus reservou para o homem. De modo que esse negócio está dando problema. E os que estão na Assembleia de Deus? Vão prestar conta a Deus! Vamos brigar com eles? Deixa pra lá, vão prestar conta a Deus! Esse é que é o problema, a Bíblia diz cada um de nós. Eu vou dar conta e os irmãos vão dar conta também. Se o Tribunal de Cristo fosse coletivo…, mas a Bíblia diz cada um. Então nós temos que pensar nisso.

Pr. Antônio Gilberto

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

O Milagre de Deus.


A maioria das pessoas esquecem que Deus tem uma maneira particular de trabalhar. O milagre de Deus é você fazendo, é Ele te chamando para participar, é estar junto com ele na realização da maioria das coisas.

Tomemos um jardim por exemplo: Vamos fazer de conta que Deus lhe prometeu um jardim. 
Ele faz nascer as flores, Ele faz nascer as rosas, Ele faz nascer os tipos de planta. Porém ele faz nascer o mato e os bichos juntos.
Se você não plantar, não limpar o mato e não evitar que os bichos como as flores e as rosas e ainda não fizer um Cercado, ou você não terá um jardim, ou o seu jardim vai morrer. 
As flores é Deus quem dá, mas o mato e os bichos é Ele quem dar também.

Então se você não plantar as flores e as rosas, não matar os bichos e não arrancar o Mato que crescem em volta da sua flores e rosas, e ainda não fizer uma cerca para manter o jardim protegido e bonitinho, você não terá Jardim nenhum.

Você vai chegar para Deus e perguntar para Ele: "Senhor!!! O Senhor não me prometeu um jardim?" 
Ele vai responder: "Prometi e dei, só que você não cuidou do Jardim. Eu dou para o jardim as flores, Eu dou as rosas. Mas eu mando também o mato, o bicho e o sol forte e você tem que cuidar do Jardim. Se você quer ter um jardim que eu prometi, então você evite que entre as flores e a rosa nas nasça mato e que de bicho para comer as folhas e assim você terá o jardim que Eu lhe prometi." "Eu dei o jardim só que você não cuidou."

As pessoas não entendem que Deus trabalha assim. É assim que Ele realiza milagres.