domingo, 17 de julho de 2016

Cristianismo do Entretenimento.


Cristianismo do entretenimento: A doutrina herética do entretenimento,  objetiva prender os crentes com atrações carnais, com adaptações culturais, ou com modismo  em nossa volta, este também é conhecido como “cristianismo  do multiculturalismo”.


Por mais que sejamos  pessoas que fomos influenciadas pela cultura  em nossa volta desde o nosso  nascimento, Deus nos adverte a não  nos tornamos amigos do mundo (Tg. 4.4; 1Jo. 2.15-17).

E nós fomos colocados para transformarmos o mundo em nossa volta e não para tomarmos  os seus maldes (Mt. 5.13; Rm. 12.2; Ef. 5.11)


Invenções humanas nos cultos:


O que temos visto hoje em dia são invenções das mais  variadas possíveis tais como: Marcha evangélicas (que tem servido na verdade para projeção e firmações  pessoais, ministeriais, denominacionais, ideológicas e políticas), noites dançantes, blocos carnavalesco, entrega do Oscar, festa das bruxas, baile de fantasia, festa junina, cine-pipoca etc. Mas e tudo gospel e eles usam isso dizendo que é uma estratégia de evangelismo, o  interessante é que as duas religiões que mais  crescem no mundo não usam nada disso e são bem sucedias em suas empreitadas,
O que esses homens se esquecem é que a melhor estratégica de evangelismo foi a ensinada pelo Senhor Jesus Cristo, indo de dois em dois  nas casas. Mas como irão?  Se eles não  confiam que as palavras de Jesus são a verdade suficiente. E se  confiam por que não fazem  como  Ele  ensinou?


O exagero na adoração:



·        Mega-shows Evangélicos.

·        Letras cheias de erros teológico e doutrinário.

·        Supervalorização dos chamados "ministros de louvor", e de pregadores da mídia.

·        Muito tempo dado ao louvor nos cultos.

·        Mundanismo na hora da adoração.


Conclusão:

Termino como comecei.  entretenimento,  objetivo de tudo isso é prender os crentes com atrações carnais, com adaptações culturais, ou com modismo  em nossa volta. E o que isso tudo significa, muitas coisas  e todas elas muito triste podemos destacar que para eles o evangelho puro e simples não é suficiente, outros sentem vergonha do evangelho de como ele e na realidade, outros são incrédulos não  acreditam no evangelho como ele realmente é, hereges, apostatas deliberados. E o pior de tudo, é que alguns que lideram isso podem até ser filhos do maligno implantado em nosso meio, o joio no meio do trigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário